Arquivo | Cover Notícias RSS feed for this section

Transportes: Enfim a inauguração da Linha Amaгυla!

25 maio

O Retrô de São de Janeiro mais uma vez mostra servicço e segue cavando seus buracos de tatu, como dizem alguns políticos.
E amanhã, depois de uma longa espera de nove meses (com visitas regulares ao obstetra – ACABOOOOOU, é obstetraaaaa!!! ), será finalmente inaugurada em esquema de migué a Linha 4 – Amarula. A linha mais moderna da América Autolatina, para desespero da Estação Sem Maré, da Linha 2, que ostentou esse posto por alguns meses apenas.
“Foi uma das mais difíceis de serem feitas. Imagine a dificuldade que é fazer um 4 nesta situação, entende? Entendeu? Buts, te considero pra k#$%!”, diz Johan Cahannabrava, do Consórcio Primo Covas *clap, clap!*que é o responsável pelo logotipo diferente que aparece nas estações.

O migué reside no factum de que o trânsito só será liberado entre duas estações, uma aqui e outra lá, e em horário bancário. Mas eles juram de pé junto que, um dia, com essa linha vai dar até pra ir em estádio de futebol !
Como mostra o diagrama da linha completa, quatro dedos, on the rocks e com aquele guardachuvinha de papel crepom:

Os trens são modernos pra dedéu, com câmeras nos vagões (para equiparar os trens à novela Arco da Velha e ao Brig Bother Barril), e com interligação entre os vagões, possibilitando aquelas cenas de perseguição que se vêem nos filmes americanos. Uma novidade também é que eles não terão condutores. O pessoal já era antissocial pra caramba, nem dava bom dia pros passageiros, e agora eles nem vão sair da cent… peraí, mas como é que eles vão sair do lugar?!
“Os vagões são operados por controle remoto. Nossos condutores brincaram de Pherrorama por 5 anos antes de poderem assumir as composições de Beethoven, digo, da Linha 4. Entendeu? Buts, você é um grande amigo…” E já que não há condutores, o clima de impessoalidade é completado por mensagens gravadas na voz de Dirseu Sem Kabelo, a voz-padrão da Salt Cover: “Os assentos em cor azul são reservados à essa galerinha da pesada! Se liga, galera! Não segure as portas, isso causa muita confusão! O próximo trem não prestará serviços, é um choque o que vem por aí!”

A Linha Amarula recebeu esse nome para combinar com os das demais linhas, sem que se prejudique o sabor. O embarque deve ser realizado, preferencialmente, com gelo. O fato de que ainda não havia uma linha amarela na cidade também é uma hipótese (não confunda com aquela de carros, que os cariocas conhecem!)

O que os passageiros acham dessa nova inalgoracção da infraestrutura de transporte paulistófila? “Butz, sensacional. Agui na Cosolação eu sovria pagaramba pra chegar láááá na estação Crínicas, buitsso longe, bicho… Agora com essa estação aqui melmo vai ser cenasional, bicho! Pô, te considero bagaramba…” Os organizadores só pedem encarecidamente que as pessoas não esqueçam de pagar as passagens quando elas começarem a ser cobradas. Mas como as bebidas que eles tomam não costumam sair de gracça, eles estão rilécs.
Com imagens embaçadas e de visão dupla (deve ser esse tal de 3D), Pudim de Kchassa Júnior para a Çalt Kover! Hic!

Anúncios

Vendetaaaaa!!! Brazil mostra sua cara e retalha comercialmente os Estádios Zunidos

9 mar

OHH YEAHHH!! A Organizaçcão Mundial do Comércio e Bebércio, phormada por donos de mercearias e empórios, deu ganho de causa ao BraSil Sil Sil por causa de uns lances envolvendo fubvídios do governo ao pessoal que planta algodão nos EAUAU cantando “Swing low, sweet charriot”, “Go down, Moses”, “When the saints go marching in” e outras cançonetas populares de lá, com uns arranjos de estilo meio duvidoso, mas enfim. E como prêmio, o Brasil retalhará produtos norte-americânicos, como tecidos, que em vez daqueles rolão boniiito com 5 metros de largura, agora só podem vir em retalhos. Os fãs de calcças jeans como Leevis, Metanol, Sauári, Osmose e outras começam a ficar preocupados em trocá-las por marcas alternativas, como Lee Young, Samsung, SVA, AOC e outras.

Na verdade, isso é só o começo. Segundo o embaixador no campo de centeio, o chumbo será grosso. Entre as propróstatas do Brazil está a retaliação no campo da propriedade intelectuálica – a única que ainda não foi invadida pelo MST.
E já para chutar no meio das pernas  e dar o apito inicial da 3ª Guerra Mundial, a propróstata do governo é a nacionalização dos estúdios Valter Trisney Pictures, que passariam a ter Maurício Ricardo de Sousa como acionista majoritário. “As histórias em quadrinhos passarão a ser em português, com legendas em inglês”, diz o ministro da Fazenda, Téo Béquer. “E Valter Trisney Uôrlde passará a ser território brasileiro, assim como as embaixadas e porta-aviões, para o qual os turistas precisarão apresentar seus Passaportes da Alegria do Pleicenter. Além disso, Zicky Zira, Patso Rônald e Alfateta serão declarados patrimônio cultural brasileiro.”
Contatado pela nossa equips, o cartunista e bregaempresário está pulando de felicidade, mesmo que isso lhe cause algumas dores depois. Veeeeja! Quer dizer, ouça (desculpem, telespectadores, o embed do 4Shared não funciona na WordPress)

Já Paula Trisney (trineta de Valter Trisney) está preocupado com o futuro da empresa. “Por causa desse tal de Avatá, já estamos vendendo o almoço pra descolar a janta, e latindo pra economizar cachorro. Agora então, vix, viraremos uma fuleragem desgraçada.”

[Sério: Já já aquela ilustração que foi capa de uma revista nos anos 90, de um pintinho – no papel de Brasil – enfrentando uma águia aparece de novo por aí.]

Atualidades D’Outrora: Plectrobass surpreende e lança brog

12 jun

Plectrobass, o petróleo que satisfazA empresa petrolífero-musical Plectrobass surpreendeu os versículos midiáticos em geral ao lançar seu próprio blog com o dinheiro do povo – embora este seja na Uordpréss, tradicional hospedador cinco estrelas de blogs gratuítos.
Muitos pensavam que essa seria uma nova iniciativa da Suína, ou possivelmente um viral, advindo de Los Puercos de Guadalarrára, mas a iniciativa partiu realmente da própria empresa, que promete fazer barulho – na verdade, mais barulho vai fazer quando outra subsidiária da empresa lançar o seu brog, a PetroBrass, especializada em metais. A empresa está adorando a experiência, e promete em breve ter um perfil no Tweeter, para também ter mais agudos.

Cover Repórter apresenta: a febre Suína

8 maio

Muito se fala da gripe suína, mas na Internet as coisas são diferentes, e por lá, a febre do momento é Suína, que através de seu blog, vlog, flog, tweeter, midrange e woofer, entre trocentas outras porcalhadas (*óinc*) está chamando a atenção por ter conseguido fazer o que os melhores jogadores de pôquer sonham em fazer: tirar as rollpas de um monte de gente grande y famosa, além de célebre. Em um furo de reportagem, convocamos nossa equipe para tentar uma conversa com a internalta perauta. Acompanhe!
Suína, há quanto tempo você está na Enternét?
– Ah, desde que liguei o computador. É banda larga. Só um instante que acabou de chegar uma fonte TrueTáipe… xí, deu êrror.
– Ok. Quando você percebeu que você tinha esse dom, de fazer as pessoas exporem-se em suas maiores intimidades para você, mesmo sabendo que poderiam dar-se mal depois?
– Sei lá, meu. Aqui em casa a gente foi um dos primeiros a ter TV a cabo na cidade, lá por 93, 94. Aí eu vi o programa de uma tal de Ôpra, que diziam que fazia seus entrevistados se abrirem como se não houvesse ninguém mais no mundo além dela na frente. Bom, eu via os programas, revia no videocassete, aí certa vez eu apliquei as técnicas aprendidas na galera.
– E o que aconteceu, Suína?
– Bem, posso dizer que até uns 2 dias depois tinha gente usando algumas roupas um do outro.
– Quer dizer que você antecipou aquele fotógrafo, o Spencer Xaropinho Tunico, que tira fotos com multidões de pessoas nooas, que nem a Copélia do Toma Lá Total de Baixo?
– Não. No meu caso, as pessoas se mantém em movimento, e as roupas se mantém à mão.
– E quando você descobriu a Internet?
– Ix, faz tempo. Já disquei pro exterior via Embratel pra acessar a www. Aí descobri um tal de chate. Só era texto. Mas continuei aplicando minhas técnicas, mesmo assim.
– E?…
– Comprei uma caixa postal, dessas que usam naquelas promoções da TV, pra mandarem fotos pra mim pelo correio. E não é que mandaram, os danados?… Essas tão lá na seção “Que fim levou”!
– E depois que tornaram-se comuns os bat-papos via batcam, digo, webcam?
– Ah, aí, como diz a hebcam, foi uma graxinha. Áudio e vídeo em tempo surreal, lembrando a filmadora JHS do meu pai.
– E as celébretes, como você as conhecia?
– Essas aí vem de longe. Segunda, quarta e sexta eu frequentava um misto de lugares bem frequentados e mal frequentados. Aí, terça, quinta e sábado, mergulhava no universo infinito que é a Internet. Se bem que ultimamente está um clima de “ø ültimo äa saìrkjen apäggen å lùs”, mas tudo bem… E aí aconteciam essas sessões memoráveis, melhores que as do Sinemark.
– Não vou perguntar quais celébretes você tem no seu acervo, senão todas as buscas do Góòógle vão cair aqui, mas, quantas celébretes já foram “gud tinêigers” (*piada interna e velha, ainda por cima) e tiraram suas roupas?
– Quantas? Boa pergunta… Acho que umas 90, mais ou menos. É que tem um pessoal que já não é mais tão famoso assim por aí.
– Como os ex-participantes de reálitichous? Tipo, Caixa dos Artistas, No Milite, ex-bebebês?…
– Você é que está dizendo… como diz a reza de São Bartolomeu: “I didn’t did it, nobody saw me, you can’t prove anything”.
– E os jogadores de futebol?
– Bem, com a exceção do Qaqá, do Peré, do Paradona e dos ex-jogadores daqueles que só o pessoal da ISPN Barril se lembra, acho que uns 90% dos jogadores ativos da América do Sul, incluindo técnicos europeus…
– Você não teme ser multiprocessada pelo Electro Power Mixer Prattina, vulgo Bulborg Mendes?
– Temo ser multiprocessada, sim… mas como diria o engraxate, quem tudo Keds, nada tênis. Qualquer coisa eu mudo pra uma das casas dos meus parentes, que foram traficados e moram todos na Europa. Aí, ao revoar!
– Ok, conversamos com Suína, a mais nova febre da Internete. E que Deus queira que não seja a última! Até mais ver, Suína.
– Qualquer coisa, mando o meu currículo pra Bispord! Eles contratam todo mundo, mesmo… Só uma coisa, qual é o seu nome?
– William Vaaque, com dois ases. Porquê?
– Nada, só perguntando…
Art by Igor C. Barros using InkscapeDesinformou mais uma vez o Cover Repórter. Boa noite, e durma-se com um barulho desses…

Estamos tão cheios de notícias, que dá até pra fazer uma edição do Jornal da Cover!

15 fev

Tã, tanananã, tanananã! Boa noite! Quer dizer, nem tanto. Policiais compatriotas de Mr. Been que mataram turista não-britânico não serão multiprocessados pela Walita, digo, pela Stockland Jard! Em plena Elropa, um continente ph*@#, que condena até mesmo os inocentes só pra ter o que fazer, eles não serão punidos! Armaldo Sabor!
– Há! Em pleno 2009 isso acontecer é uma infâmia, um absurdo. Queria só ver se o turista brasileiro estivesse tentando entrar na sede da
Geeglo, no Vale do Silicone, pra ver se eles não seriam multiprocessados! Para a Oarner Mucho-Bróders e V*acom, fica a dica.
– Aminy Wineyard internada no Caribe! Fãs temem pela continuidade de um dos melhores quadros do Pânico na TV!
– E torcem pra ela não ser subsituída por mais matérias de Saprina Sapo gravadas no exterior, com o Fesgo de gravata na testa e sem o Awaury Trumbo!
– Suíça está revoltada com brasileira grávida que apareceu com marcações a faca do PSOL.
– Se essas marcas ainda fossem do DEM, eles talvez fariam alguma coisa.
– Jornais suiços metem o pau no Brasil, e diz que, além de ela não estar grávida, os brasileiros são uns… hã… juízes de futebol. Ou políticos.
– E no Brasil, FHC agora está defendendo os usuários de THC!
– Muito bom! Só faltava agora ele também defender os usuários de CaASaA, Dorpheus, WimeLire e TidbitsÓxent, além do pessoal do Legends.vt! Esses sim estão precisando de ajuda, e urgente! Cadê o Grimpísç nessas horas?!
– Trotes violentos fazem Mulssão prestar esclarecimentos à políssia!
– Segundo ele, seus trotes não tem 1/20 da violência dos trotes de cavalos bretões, aqueles que aparecem em desenho animado e que pesam mais de 1 tonelada.
– E a gente vai se virando com os pangaré mermo, seus bando de malacabado! Boa noite!
= Hatinho?!…
ZYB 171, Salt Cover, São Paulo ! Assista agora, capítulo inétido de Caminho das Chinas!

Falta de Fatos, Urgente: Eesses caaras naão apreendem meesmo…

10 nov

Com a ausência de operações com nomes maneiros, a Folícia Pederal teve uma grande idéia para aparecer na mídia. “Levem em conta que, enquanto corporação, não podemos ficar grávidos de jogadores de futebol ou tornar-se um daqueles atores da Americaninhas!”, diz o tenente Johann von Apfelstrudell XII. “Há que se buscar outros meios.”
Cerca de 25 toneladas de CDs e DVDs originais de bandas de phorró e de fânque, além de diversos philmes de John Player Sp Camel Hollywood foram destruídos por um rolo compressor, e só pra zoar, o pessoal tacou fogo depois. A carga era proveniente da Zona Pranca de Banaus e de mais duas fábricas em São Paulo e no Flameng Rio de Janeiro que já estão sendo pentelh investigadas até os donos ficarem loucos e se matcolaborarem com as coisações.

Mas as operações vão voltar. Segundo o Koronel Abdelmassih Wolfstein Mofungo, do Camano Tático SPC do CIC, a FP está buscando uma ajuda muito especial. “Estamos conversando com o Misan Ganhaes pra ele criar novos nomes para nossas operaçães. É ‘só’ um dos maiores publicitários do país, premiado pa caramba, ô home sortudo de uma figa. Não, é verdade, eu só bebia Nova Squim, e passei a tomar Grahma só por causa dele! Então, é o home certo para nos ajudar nessa tarefa. E vamos operar! Vamos operar, Brasil!! Homens de azul, qual é sua missão? Destruir todos os sonhos do inocente cidadão!! Hop hop hop hop hop…
Isto é, com certeza, o que estava sendo. Carlo Dornele para a Salt Cover!

URGEMTE! É os FIM DOS TEMPO: Itaó e Uniiiii!!! Banco anunciam confusão

3 nov
Bancos brasileiros anunciam confusão.

Bancos brasileiros anunciam confusão.

Os banco Itaó e Uniiiii!!! Banco anunciaram agora há pouco que vão se confundir.
Como já não fosse sofrido ter conta no Badresco e aturar os comerciais desses dois bancos, com ator dando salto mortal e zerinhos com as mesmas vozes dos limões da Psépsi (aqueles que cheiraram Coca), dizendo “Venha para o Itaó, aqui você tem ar condicionado!”, agora esses dois hijos de una @#$% resolveram se unir suas forças e juntar os trapinhos.

A confusão, a princípio, não será notada, mas em breve, os clientes vão ligar para o banco e serão atendidos pelo galã da novela das oito. Quando digitarem a senha no caixa eletrônico, vão usar o joystick para sacar mais rápido do que o Jon Uêine. Além das filas dos caixas, as agências terão fila de pipoca e de refrigerante, e os caixas também poderão atuar como DJs, desde que suas suçuaranas de estimação não atrapalhem os clientes, que a partir de agora também poderão assinar os cheques em japonês. É mais do que óbvio que os lustres serão instalados no piso, e novas mudanças poderão ser implementadas ainda nos próximos meses pela Granero. É esperar pra ver, ouvir, saborear, sei lá, brlrlrll… Com imagens de Rembrandt, Yaprsçélio de Zumbarastão Alquidafonso para a XYZ!

Eu queria, eu queria muito que esta fosse uma notícia do Jornal da Cover!

29 out

Mas não é!! Arghhhhhh…
Pub é acusado de servir sorvete com fezes após reclamação na Austrália (Folha Turismo)

E agora, os comentários de José Juiz Batena! Vai daí, Paustão!
“É ipressionante até onde a falsificação assola a Austrália. Até mesmo a calda de chocolate de sorvete está sendo falsificada! E o que é pior, ninguém falsifica coisas mais decessárias, como prefeitos de grandes cidades da América Latina, ou presidentes de países latino-americanos! Assim não dá, Brasil!”
Desta vez, não informou o Jornal da Cover!

Folícia Pederal acorda e começa a resolver os problemas do país, como fome, miséria, corrupção, desigualdade social e má distribuição de renda. 15 deputados foram presos, algemados e transportados no porta-malas de um CrossFox. Ah, se o FBY fosse assim, o mundo seria outra coisa… Foliciais são saudados com continências pelas ruas e brados de júbilo. Agora, menores de rua querem ser meganhas quando crescerem. Rede Recorte já tem 49% do Ipobre em São de Janeiro e continua subindo no escorregador. E o novo seriado bolivariano Hugo Chapolin dá 358 pontos de Ipobre em Caracas, com episódios inéditos. Em breve, menos informações.

1 jul

Escritor daquele Outro Blog para a Televisão Salt Cover!

[EDIT: O blog em questão era o Época Estado, conhecido por seus temas polêmicos, matérias postadas repetidamente e títulos quilométricos como esse… Mesmo campeão de audiência, esse blog foi extinto de morte matada, digamos assim, e substituído posteriormente pelo ÉpocaEstado Brasil. ]

Essa galerinha da pesada está ligada na nossa programação!

22 jun

Salt Cover é citada onde menos se espera!Aí, galerinha! Dêem altos cliques na imagem para ampliar, na maior curtição! É, agora, o bicho vai pegar! A tela da Cover pode estar saindo de controle, e dando muita confusão! Embora essa galera não curta muito a nossa turma, eles são o wikiprojeto mais radical da paróquia, e curtem a liberdade do espaço virtual para altas zoações. Emos, góticos, otakus, furries, indies, até pessoas que ninguém conhece, a Desciclopédia não perdoa ninguém, nem mesmo as grandes cidades do país e os desenhos que a garotada mais curte. Então, se você for um deles, leve na esportiva e sai de baixo! Desciclopédia, Hoje, depois de alguns cliques! Cover e você, nada a ver!