Tag Archives: textos

Tevelisão: Ali Acolá estréia novo desenho

21 mar

Ali AcoláA série Maruto agora é exibida no programa Ali Acolá, junto com Yu-Di-D’oh, Psycha Pau, Jake Short e Pokemão. Segundo o diretor de programação (Temos isso por aqui?) Holandês Voador de Almeida (irmão do saudoso jornalista esportivo Sobrenatural de Almeida), o objetivo, etapa e universitário é agrupar os programas violentos no mesmo horário e, porque não, no mesmo programa. Os desenhos são apresentados pelos jornalistas João Café com Leite Neto e Madgalena Madgalena Você É meu Bem Querer. Em Murato, ninjas lutam para ensinarem outros ninjas a serem tão ninjas quanto eles, e vice-versa. Além de Matuto, o Ali Acolá estréia uma nova série de reportagens, mostrando por dentro os tiroteios na Zona Leste, com a repórter Maysa Matarasso. Ali Acolá, de segunda a sexta, as 5:30 da tarde, na Salt Cover, logo após Balaço Geral.

Anúncios

Cover Mortícias: Cover pode ser parceira de si mesma para transmitir as Ossujíadas

21 mar

Mais uma vez a Cover ensina o pai-nosso ao pai de santo. Em uma estratégia comercial inédita, a Cover pode tornar-se parceira de si própria para a transmissão dos Games Osújicos, (do chinês “Os” – Esportes e “Suj” – cinco, por isso os cinco “O”s coloridos na bandeira) que vão acontecer já já, lá onde fabricavam aqueles bregets que a gente comprava no Estande Center.
E como isso pode acontecer? Segundo conta Valter Clark Grizwold, superintendente de vice-operações da Coordenadoria de Aspones, baseado na ciência, que diz que cada lado do cérebro tem sua especialidade, um pende para a razão, o outro para a emoção. “Se cada um fazer uma parceria com o seu outro lado do cérebro, acabaremos reverberando essa parceria em uma escala glob… digo, Coval, e assim a Salt Cover se tornará parceira de si própria. Eu, particularmente, acho isso ótimo, e eu também.”
Especialistas, no entanto, alertam para que se tomem todos os cuidados para que não haja excesso de personalidades, que nem aquela moça da novela Irmãos Coraaaagi que tinha três personalidades diferentes, caso contrário a Salt Cover poderá se transformar em um conglomerado empresarial que não caberia no mercado financeiro atual. “De preferência, evitem o álcool”. De São Paulo F.C., Paulenrique Chapolim para a Salt Cover.